FAÇA SUAS DOAÇÕES ONLINE POR AQUI!
DOAÇÕES

PALAVRAS

A PALAVRA DO SENHOR TEM PODER, DEIXE ELA TRANSFORMAR SUA VIDA!

Tire a pedra para Deus agir.

Lucas 7:37-50

21/03/2016

Por: Apóstolo Valdemiro Santiago

Matéria de: Victor Correa


Tire a pedra para Deus agir.
FOTO: Eduardo Pinto

“E eis que uma mulher da cidade, uma pecadora, sabendo que ele estava à mesa em casa do fariseu, levou um vaso de alabastro com ungüento; E, estando por detrás, aos seus pés, chorando, começou a regar-lhe os pés com lágrimas, e enxugava-lhos com os cabelos da sua cabeça; e beijava-lhe os pés, e ungia-lhos com o ungüento. Quando isto viu o fariseu que o tinha convidado, falava consigo, dizendo: Se este fora profeta, bem saberia quem e qual é a mulher que lhe tocou, pois é uma pecadora. E respondendo, Jesus disse-lhe: Simão, uma coisa tenho a dizer-te. E ele disse: Dize-a, Mestre. Um certo credor tinha dois devedores: um devia-lhe quinhentos dinheiros, e outro cinqüenta. E, não tendo eles com que pagar, perdoou-lhes a ambos. Dize, pois, qual deles o amará mais? E Simão, respondendo, disse: Tenho para mim que é aquele a quem mais perdoou. E ele lhe disse: Julgaste bem. E, voltando-se para a mulher, disse a Simão: Vês tu esta mulher? Entrei em tua casa, e não me deste água para os pés; mas esta regou-me os pés com lágrimas, e os enxugou com os cabelos de sua cabeça. Não me deste ósculo, mas esta, desde que entrou, não tem cessado de me beijar os pés. Não me ungiste a cabeça com óleo, mas esta ungiu-me os pés com ungüento. Por isso te digo que os seus muitos pecados lhe são perdoados, porque muito amou; mas aquele a quem pouco é perdoado pouco ama. E disse-lhe a ela: Os teus pecados te são perdoados. E os que estavam à mesa começaram a dizer entre si: Quem é este, que até perdoa pecados? E disse à mulher: A tua fé te salvou; vai-te em paz.” Uma vez, uma mulher muito pecadora caiu aos pés de Jesus e ungiu ao Senhor com bálsamo e com lágrimas e enxugava os pés do Senhor com os próprios cabelos. Ela molhava os pés do Senhor com as lágrimas e enxugava com os cabelos. Isso para nós hoje é como se fosse uma figura de linguagem, mas aconteceu mesmo. No nosso caso, nós não vemos o Senhor, o que sugere que temos de chorar aos pés do Senhor e nos colocar na dependência Dele. Aquela mulher queria dizer alguma coisa com aquela atitude. Uma pessoa de posse, um político, criticou ao Senhor, um religioso. A mulher era pecadora e tinha má fama na cidade, só que a fama da mulher mudou, porque depois daquele ato, Jesus a mudou e a abençoou. Quem a via, dizia que era uma mulher que vivia na prostituição, em uma vida desregrada, mas agora servia ao Senhor. De repente a cidade já a via como uma mulher temente a Deus. Quando você fica amigo de Jesus, o mundo começa a observar você, para ver se muda alguma coisa, para ver se é verdade que quem anda com Jesus obtém respostas, recebe milagres, tem qualidade de vida. Existe uma cobrança. “Filho do homem, que provérbio é este que vós tendes na terra de Israel, dizendo: Prolongar-se-ão os dias, e perecerá toda a visão? Portanto, dize-lhes: Assim diz o Senhor DEUS: Farei cessar este provérbio, e já não se servirão mais dele em Israel; mas dize-lhes: Os dias estão próximos e o cumprimento de toda a visão. Porque não haverá mais alguma visão vã, nem adivinhação lisonjeira, no meio da casa de Israel. Porque eu, o SENHOR, falarei, e a palavra que eu falar se cumprirá; não será mais adiada; porque em vossos dias, ó casa rebelde, falarei uma palavra e a cumprirei, diz o Senhor DEUS. Veio mais a mim a palavra do Senhor, dizendo: Filho do homem, eis que os da casa de Israel dizem: A visão que este tem é para muitos dias, e ele profetiza de tempos que estão longe. Portanto dize-lhes: Assim diz o Senhor DEUS: Não será mais adiada nenhuma das minhas palavras; e a palavra que falei se cumprirá, diz o Senhor DEUS.” (Ezequiel 12:22-28). Não é de hoje essa cobrança, a pergunta "ué, mas você não está indo na igreja, por que continua tudo assim?". Satanás tem como objetivo destruir as pessoas, humilhar as pessoas, provar que não vale à pena a vida com Cristo, ele não quer que você abandone o império das trevas, quer que você volte para lá e sugere para que você desista. Maria decidiu deixar a vida de pecados em que vivia e, sem ser convidada, entrou naquele jantar. A vida dela não tinha sentidos, era de sofrimento, de humilhação, como uma escrava. Tudo o que ela pediu era entrar e ficar perto do Senhor. A bíblia diz que onde o evangelho fosse pregado, isso seria lembrado. Alguns dias depois, houve um problema na cidade e quem andava com Jesus sofreu um duro golpe. Em João 11, conta que ela, com a família, perdeu o irmão. “Estava, porém, enfermo um certo Lázaro, de betânia, aldeia de Maria e de sua irmã Marta. E Maria era aquela que tinha ungido o Senhor com ungüento, e lhe tinha enxugado os pés com os seus cabelos, cujo irmão Lázaro estava enfermo. Mandaram-lhe, pois, suas irmãs dizer: Senhor, eis que está enfermo aquele que tu amas. E Jesus, ouvindo isto, disse: Esta enfermidade não é para morte, mas para glória de Deus, para que o Filho de Deus seja glorificado por ela. Ora, Jesus amava a Marta, e a sua irmã, e a Lázaro. Ouvindo, pois, que estava enfermo, ficou ainda dois dias no lugar onde estava. Depois disto, disse aos seus discípulos: Vamos outra vez para a Judéia. Disseram-lhe os discípulos: Rabi, ainda agora os judeus procuravam apedrejar-te, e tornas para lá? Jesus respondeu: Não há doze horas no dia? Se alguém andar de dia, não tropeça, porque vê a luz deste mundo; Mas, se andar de noite, tropeça, porque nele não há luz. Assim falou; e depois disse-lhes: Lázaro, o nosso amigo, dorme, mas vou despertá-lo do sono. Disseram, pois, os seus discípulos: Senhor, se dorme, estará salvo. Mas Jesus dizia isto da sua morte; eles, porém, cuidavam que falava do repouso do sono. Então Jesus disse-lhes claramente: Lázaro está morto; E folgo, por amor de vós, de que eu lá não estivesse, para que acrediteis; mas vamos ter com ele. Disse, pois, Tomé, chamado Dídimo, aos condiscípulos: Vamos nós também, para morrermos com ele. Chegando, pois, Jesus, achou que já havia quatro dias que estava na sepultura. (Ora Betânia distava de Jerusalém quase quinze estádios. ) E muitos dos judeus tinham ido consolar a Marta e a Maria, acerca de seu irmão. Ouvindo, pois, Marta que Jesus vinha, saiu-lhe ao encontro; Maria, porém, ficou assentada em casa. Disse, pois, Marta a Jesus: Senhor, se tu estivesses aqui, meu irmão não teria morrido. Mas também agora sei que tudo quanto pedires a Deus, Deus te concederá. Disse-lhe Jesus: Teu irmão há de ressuscitar. Disse-lhe Marta: Eu sei que há de ressuscitar na ressurreição do último dia. Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá; E todo aquele que vive, e crê em mim, nunca morrerá. Crês tu isto? Disse-lhe ela: Sim, Senhor, creio que tu és o Cristo, o Filho de Deus, que havia de vir ao mundo. E, dito isto, partiu, e chamou em segredo a Maria, sua irmã, dizendo: O Mestre está cá, e chama-te. Ela, ouvindo isto, levantou-se logo, e foi ter com ele. (Pois, Jesus ainda não tinha chegado à aldeia, mas estava no lugar onde Marta o encontrara.) Vendo, pois, os judeus, que estavam com ela em casa e a consolavam, que Maria apressadamente se levantara e saíra, seguiram-na, dizendo: Vai ao sepulcro para chorar ali. Tendo, pois, Maria chegado aonde Jesus estava, e vendo-o, lançou-se aos seus pés, dizendo-lhe: Senhor, se tu estivesses aqui, meu irmão não teria morrido. Jesus pois, quando a viu chorar, e também chorando os judeus que com ela vinham, moveu-se muito em espírito, e perturbou-se. E disse: Onde o pusestes? Disseram-lhe: Senhor, vem, e vê. Jesus chorou. Disseram, pois, os judeus: Vede como o amava. E alguns deles disseram: Não podia ele, que abriu os olhos ao cego, fazer também com que este não morresse? Jesus, pois, movendo-se outra vez muito em si mesmo, veio ao sepulcro; e era uma caverna, e tinha uma pedra posta sobre ela. Disse Jesus: Tirai a pedra. Marta, irmã do defunto, disse-lhe: Senhor, já cheira mal, porque é já de quatro dias. Disse-lhe Jesus: Não te hei dito que, se creres, verás a glória de Deus? Tiraram, pois, a pedra de onde o defunto jazia. E Jesus, levantando os olhos para cima, disse: Pai, graças te dou, por me haveres ouvido. Eu bem sei que sempre me ouves, mas eu disse isto por causa da multidão que está em redor, para que creiam que tu me enviaste. E, tendo dito isto, clamou com grande voz: Lázaro, sai para fora. E o defunto saiu, tendo as mãos e os pés ligados com faixas, e o seu rosto envolto num lenço. Disse-lhes Jesus: Desligai-o, e deixai-o ir. Muitos, pois, dentre os judeus que tinham vindo a Maria, e que tinham visto o que Jesus fizera, creram nele.” (João 11:1-45). Jesus amava aqueles três, diz o verso 5. A mulher que acabara de sofrer mudança sofreu um golpe na vida dela e o irmão querido morreu. Jesus chegou quatro dias depois de ter sido chamado e era comum as pessoas chorarem dias em luto no cemitério. Jesus chega e pede para ser levado até lá e aquela mulher, a Maria, que havia, com aquele ato, declarado que Jesus era o Rei, marcou a vida de Jesus. Tem coisas que eu e você fazemos que marcam para Deus, que tocam o coração de Deus. Para ser abençoada, uma pessoa precisa tocar o coração de Deus. Quando aquela mulher fez aquilo, não pediu absolutamente nada, mas tocou no coração de Jesus. Ela foi criticada, humilhada, imagine os comentários que ela ouviu depois de sair dali. Com certeza ela ouviu "olhe para você, acha que Jesus vai se unir à você, ser seu amigo, te aceitar na igreja Dele?" Mas Jesus a aceitou. Então veio a crise e as pessoas devem ter perguntado: "Mas Jesus não é amigo deles?". O mundo é traiçoeiro e tenta te atacar por todos os lados, mas tem uma coisa só que importa, ser amigo de Jesus, o resto não interessa. Para ser amigo de Jesus, veja o que é preciso:

“Vós sereis meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando.” (João 15:14).

Não sou eu que torna você amigo de Jesus, se você fizer o que Ele manda, Ele te coloca na lista de amigos e, quando você entra nessa lista de amigos, Ele nunca mais esquece de você. Maria entrou na lista de amigos do Senhor. O mundo está em crises, crise econômica, crise moral, mas o que você precisa é ser amigo de Jesus. Nós precisamos. O irmão de Maria ficou doente e Jesus disse que era apenas uma dificuldade para engrandecer ao Senhor. Era assim que Jesus sempre via as dificuldades. Mas Deus diz que o Justo viverá pela fé. O certo seria viver pela justiça, mas vivemos pela fé, porque a fé conserta. Se Ele dissesse que viveríamos pela justiça, todos iríamos para a gaiola, porque todos pecamos. Veja como Jesus olha. Você e eu precisamos ter a ótica, a visão do Senhor. Sempre que traziam um problema para Ele, Jesus via uma oportunidade para a manifestação da glória de Deus. Jesus não justifica, porque para Ele, não existe fracasso. Problema não é para procurar um culpado, é para se resolver através da fé em Jesus. Quando chegaram até Jesus e falaram que Lázaro estava doente, Jesus disse para ficarem calmos, porque a doença era para a glória de Deus. Jesus disse que tudo é possível ao que crer, então porque vou culpar outro se acredito em Deus? Essa de culpar um ou outro é conversa fiada. Não existe nada que não te deixe crescer, não arrume um bode expiatório, não justifique seus fracassos, porque todos os que creem vêm a glória de Deus. A doença matou Lázaro, mas Jesus não mentia, porque a visão e os pensamentos Dele são diferentes dos nossos. Isaías disse isso “Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o Senhor.” (Isaías 55:8). Se vermos e crermos nas coisas como Ele, ficaremos impactados com todas as coisas que Ele fará por nós. Eu aprendi a não justificar. Quando o sujeito vê que não tem mais jeito, inventa caixão que precisa desenterrar e já virou macumbeiro. Por que desenterrar? Não é bíblico não. Ficam inventando rituais. “Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres” (João 8:36). É o nome de Jesus que resolve, o resto esquece. E seremos amigos Dele se O obedecermos. Veja o que aconteceu na vida dos amigos de Jesus. Tem beatas que ficam de plantão esperando para ver a vida de cada um, observando como faz e cuidando da sua vida e fofocando. Imagino o que falaram da vida de Maria. Jesus chegou e todos choravam. Jesus contou para Marta que o irmão reviveria e veja como era aquela família, que mesmo sendo uma família de crentes, de pessoas convertidas ao Senhor, com um ato extraordinário, nobre, de ungir e chorar aos pés do Senhor - porque quem chora aos pés do Senhor recebe mudança - ainda assim, convivendo com Jesus, a fé da família era limitada. No modo de Marta ver, Jesus tinha poder para curar, não para ressuscitar. Deus é para nós aquilo que nós cremos, achamos. Deus age em cada um de nós dentro da medida da nossa fé. É assim com os pregadores também, tem muitos homens e mulheres de Deus pregando a palavra, mas se você observa, vê coisas em determinados ministérios que não vê em outros e ambos são de Deus. Dentro da Igreja Mundial do Poder de Deus, você verá diferença entre os cultos realizados por bispos e entre os pastores, porque é a fé que vai demarcar o território. Isso se chama justiça de Deus. Não é igual, a fé é acessível a todos, se você desenvolve sua fé, obterá resultados. Se você não agir a fé, demonstrada em atitudes, você viverá na mesmice. Ao agir sua fé, verá coisas que vão te impactar e os outros ficarão mais impactados ainda. Marta disse praticamente que Jesus chegou atrasado. Eu cresci ouvindo isso, que tem jeito para tudo, menos para a morte. Olha o que o demônio coloca na cabeça das pessoas. É mentira, tem jeito para tudo, até inclusive para a morte. A resposta está em Eclesiastes 3:11 “Tudo fez formoso em seu tempo; também pôs o mundo no coração do homem, sem que este possa descobrir a obra que Deus fez desde o princípio até ao fim.” (Eclesiastes 3:11). Do Princípio até ao fim. Pela eternidade e eternidade é o oposto de morte. Tem gente que vive como se tudo fosse acabar aqui. Negativo, começa aqui e não acaba nunca mais. Eu e você já pensamos em determinadas situações que Jesus chegou atrasado. Eu e você já batalhamos até que veio a perda e pensamos que se fosse assim ou assado... Mas negativo, não diga besteira, pois tudo o que Deus faz é bom. Eu e você sabemos que Deus pode tudo, mas me perdoe o que vou dizer. Existe a fé verdadeira e a fé hipócrita. Temos fé quando tudo está bem e, quando faltam recursos e vem dificuldade, nossa fé começa a tremer. E a fé só serve para os momentos difíceis, para ser usada para quando não se tem mais jeito, essa é a fase, o momento de se usar a fé para viver. Marta demonstra fé hipócrita no verso 22. Se Jesus não conhecesse os corações, teria se alegrado com as palavras de Marta. Mas era conversa fiada. E eu não vou culpar Marta por isso, nem condenar ou julgar. Quem de nós nunca se abalou diante de uma situação adversa, muito difícil? A resposta de Jesus para Marta foi: "vou provar para você que existe solução para a morte". No cemitério, Jesus chorou também. Jesus é compassivo. Depois, disse para Marta tirar a pedra. Tem algumas coisas que precisamos entender. O que é mais difícil, tirar a pedra colocada a tempo ou ressuscitar o morto? Jesus sabia que ela duvidava. Ele próprio poderia ter movido a pedra, mas pediu a uma mulher. Fisicamente falando, um homem tem mais força física que uma mulher, salvo raros casos. Não era a pedra que atrapalhava o milagre. Isso sugere tirar a dúvida. Qualquer um poderia ter tirado a pedra, se Ele estava pronto a reviver Lázaro, Ele poderia ter removido, mas entenda, o milagre da ressurreição Ele faz, mas a pedra, nós é quem precisamos tirar, resolver. Você que lê este texto, saiba que Jesus já viu e sabe o estado em que você se encontra. Ele age, entretanto, na remoção da pedra. Se você não tiver parte no milagre, Deus não fará o milagre. A pedra, que é a parte mais fácil, você é quem precisa tirar. Tire a pedra, que o resto, Ele faz. Às vezes, ficamos preocupados porque o problema, a dificuldade é grande e para nós fica uma parte difícil, mas para nós, fica a mais fácil, que é tirar a pedra. Ele ordenou que tirasse a pedra, que é diferente de pedir. Ordenar quer dizer mandar. Deus te manda tirar a pedra, Brasil. Jesus quer fazer o milagre, mas Ele precisa que você tire a pedra. Tem coisas que eu e você pedimos a Deus, desejamos a muito tempo, mas a pedra continua lá e, quando removermos, acontece o milagre. Tira a pedra e Deus mostra a você que não existe impossível para Ele. Igreja, na atitude de Maria, ela conquistou um lugar no coração de Deus. Até lembrei de Davi, que o profeta Samuel esperava que Davi fosse chamado para continuar o jantar. Se você conquistar um lugarzinho com Deus, não vai faltar um lugar para você no mundo. Quando Jesus mandou tirar a pedra, Marta disse que cheirava mal, de quatro dias, porque para ela, não significava necessariamente ressuscitar o irmão dela, mas para Jesus, tirar a pedra significa escancarar a porta. Tirar a pedra é uma ordem, Deus não te pediu, Ele manda isso, para que Ele possa agir. Tiraram a pedra e Jesus disse, vem para fora. Lázaro saiu. Ali era um caso perdido, mais fácil ali teria sido pegar um punhado de barro e refazer e soprar o espírito. Não, Ele usou o mesmo material. A oração foi direta agradecendo a Deus. Ele falou e Lázaro já se contorceu de fome. Jesus falou "Vem para fora" e lá estava Lázaro, novo em folha. Quando eu e você agradecemos, Deus faz, porque agradecer é a certeza do milagre. Para Jesus, não tem difícil, não tem impossível e também não tem justificativa. Ele falou tudo isso para entendermos que temos de tirar a pedra e o resto é com Ele. A pedra é a dúvida.

MAIS PALAVRAS

"O Senhor é também alto refúgio para o oprimido, refúgio nas horas de tribulação."

Salmos 9:9
  • BRADESCO | CNPJ: 02.541.710/0001-54 AG: 98 CC: 99002-7
  • BANCO DO BRASIL | CNPJ: 02.415.583/0001-47 AG: 1512-1 CC: 4176-9
© 2020 Igreja Mundial do Poder de Deus. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Nativa Desenvolvimento